Nossa Capa


Publicidade





Polícia

Voltar | imprimir

20/04/2017

TRANSEXUAL É ACUSADA DE ABUSAR DE QUATRO CRIANÇAS EM ITUVERAVA

Praça do Rosário, próximo ao local onde o crime aconteceu

A Polícia Civil investiga quatro casos de pedofilia que podem ter sido cometidos por uma transexual chamado Juliete. Ela está foragida e pode ter contaminado duas crianças com DSTs (doenças sexualmente transmissíveis) que teriam sido abusadas por ela.

Segundo a Polícia Civil, um menino de 10 anos e outro de 11, eram vizinhos da transexual e foram até a sua casa dela, próximo à rodoviária, atraídas por doces e dinheiro. Lá, teriam sido abusadas.

O caso foi descoberto pelas mães das crianças, que observaram feridas em suas genitálias. Elas questionaram os meninos a respeito do que teria ocorrido e eles contaram o abuso.

Indignadas com o fato, as mães entraram em contato com populares e expuseram a situação. O grupo invadiu a casa da transexual e tentou matá-la, no entanto, ela fugiu e está foragida desde então.

“Usaram a inocência que a criança tem para destruir a vida desses meninos", afirmou a mãe de uma das vítimas de abuso.

Investigação
O delegado João Paulo Marques fala sobre o caso. "Assim que as famílias procuraram a Polícia Civil, tomamos as providências, ouvimos as vítimas, solicitamos exames, porém o caso corre em segredo de justiça”, afirma.

Desde então, a autora dos crimes bárbaros está sendo procurada em toda a região. As mães das crianças e a população têm espalhado a foto de Juliete, na tentativa de localizá-la. O crime segue sob investigação.

Voltar | Indique para um amigo | imprimir