Nossa Capa


Publicidade





Educação

Voltar | imprimir

08/08/2017

PEIEX PROMOVEU 1ª AÇÃO DE EXPORTAÇÃO NESTA SEMANA

Evento do PEIEX realizado em Ituverava

Evento foi realizado na Fundação Educacional de Ituverava, com a participação de diversas empresas

Foi realizada na última terça-feira, 1° de agosto, a 1ª Ação de Exportação do PEIEX (Projeto Extensão Industrial Exportadora), que é desenvolvido no município por meio de convênio firmado entre a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e a Fundação Educacional de Ituverava.

O evento foi na FE, e contou com apoio dos Núcleos Regionais do PEIEX e do CECIEx (Conselho Brasileiro das Empresas Comerciais Importadoras e Exportadoras), e voltado aos parceiros convidados Correios, Banco do Brasil, Sebrae, Caixa Econômica Federal, entre outras.

A analista de negócios internacionais da Apex-Brasil, Esther Pires Costa, fala sobre projeto. “O modelo do evento consiste em uma rodada de negócios com comerciais exportadoras tradings brasileiras, oportunidade em que as empresas atendidas pelo PEIEX mostram sua capacidade de negociação, testarão o nível de aceitação de seus produtos ou serviços e terão oportunidade de validar o preço, a embalagem e os materiais de comunicação desenvolvidos para exportação, etc.”, observa.

“Trata-se de um evento sobre comércio exterior nos Núcleos Operacionais do PEIEX, do qual participam as empresas atendidas pelo programa”, ressalta.

Finalidade
O objetivo do convênio entre a FE e Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) é permitir que a instituição de ensino atenda regionalmente empresas que exportam e também as que estão interessadas em começar a comercializar seus produtos fora do país, oferecendo capacitação para desenvolverem esse trabalho da maneira mais eficiente possível.

O PEIEX atende 80 empresas de 20 cidades dos Estados de São Paulo e Minas Gerais. O núcleo de Ituverava abrange os municípios de São Joaquim, Guará, Franca, Cristais, Pedregulho, Guaíra, Patrocínio Paulista.

Dez profissionais – entre professores, profissionais de mercado e estagiários – orientam as empresas em seis áreas: Capital Humano, Administração Estratégica, Vendas e Marketing, Finanças e Custos, Comércio Exterior e Manufatura.

A finalidade é proporcionar melhoria na competitividade e preparar as empresas para atividades de exportação.

Pilares
O convênio tem duração de dois anos, mas pode ser prorrogado caso todas as metas – como número de empresas participantes – sejam alcançadas. O ensino superior tem três pilares: pesquisa, ensino e extensão.

Segundo os organizadores o encontro foi considerado um sucesso e as empresas participantes receberam importantes orientações, que sem dúvida, contribuirão para melhorarem e ampliarem suas exportações.

Apex promove diversas ações na área comercial
A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) atua para promover produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos da economia brasileira.

A Agência promove ações diversificadas na área comercial com o objetivo de incentivar as exportações e valorizar os produtos e serviços brasileiros fora do pais, com missões prospectivas e comerciais, rodadas de negócios, apoio à participação de empresas brasileiras em grandes feiras internacionais, visitas de compradores estrangeiros e formadores de opinião para conhecer a estrutura produtiva brasileira entre outras plataformas de negócios que também têm por objetivo fortalecer a marca Brasil.

A Apex-Brasil coordena os esforços para atrair Investimentos Estrangeiros Diretos (IED) para o Brasil com foco em setores estratégicos para o desenvolvimento da competitividade das empresas brasileiras e do país.

A Agência também se preocupa em fornecer aos seus colaboradores um ambiente organizacional igualitário e justo.

Oportunidade de Negócios
Ainda segundo a Agência, o objetivo é possibilitar às empresas uma primeira oportunidade de negócios com aplicação do que foi trabalhado durante o atendimento do PEIEX.

“Através desse projeto, observamos empresas com potencial para entrar na exportação. Então, elas passam por orientação, treinamento e por eventos, como este”, explica a analista de negócios internacionais da Apex-Brasil.

“Neste momento é importante lembrar que toda crise gera oportunidades, então vemos no mercado internacional oportunidades para a empresa que está pronta para exportar. Já temos o feedback de diversas empresas que passaram pelo PEIEX e sempre tivemos muitos elogios”, destaca Esther Pires Costa.

Voltar | Indique para um amigo | imprimir